O Peso da Idade

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Britannia em Sab Ago 08, 2009 6:16 pm

Ui, isto aqui anda á velocidade da luz Very Happy

O pessoal está mesmo todo de férias, mas era fixe eu saber se fico com a Inglaterra ou não, porque gostava de começar a desenvolver as minhas novas ideias, e tenho de sincronizar a história com o Nuno, por isso uma decisão era fixe.
avatar
Britannia

Número de Mensagens : 7778
Idade : 29
Capital : Camelot
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Interregno
Data de inscrição : 31/07/2008

Ver perfil do usuário http://www.nationstates.net/greenaldia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Britannia em Dom Ago 09, 2009 5:50 pm

Bem, como ainda não tive uma resposta vou começando com as coisas, depois logo se vê.
avatar
Britannia

Número de Mensagens : 7778
Idade : 29
Capital : Camelot
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Interregno
Data de inscrição : 31/07/2008

Ver perfil do usuário http://www.nationstates.net/greenaldia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  URS em Dom Ago 09, 2009 8:28 pm

Eu discordo por 2 razões:

1) O Rolo também pediu esse território, e não quero estar a aceitar o pedido de um e recusar outro;

2) Peterandia com a Inglaterra altera significativamente a geo-estratégia do jogo.

Mas antes de bater com o martelo e dizer que não vou esperar que o povo se pronuncie, talvez me façam mudar de ideias...
avatar
URS
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 14751
Capital : Valtland
Regime Politico : Socialismo
Chefe de Estado : Maximus Thorvald
Data de inscrição : 14/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Portugal em Seg Ago 10, 2009 5:19 am

Eu faço a seguinte proposta, uma solução para agradar a gregos e troianos!

Eu sugiro Inglaterra para o Peter, e Gales e Escócia para o Rolo! Ficam os dois de forma equitativa e harmoniosa com a Grã Bretanha.

Outra opinião minha, o Rolo sei que tem pretensões sobre a França e Benelux, as quais ele tem o meu apoio, a que esse slot lhe se seja entregue. Se o Rolo mantiver a sua posição, acho justo que o Peter fique com o país de Gales, e o Rolo apenas com a Escócia.

Eu como ja viram, tenho ideias de ter RPs com o Peter, e também com o Rolo. E das pessoas do jogo, as que sempre se mostraram mais interessadas na Europa.

Contudo, Italia, Grecia, Balcãs e Turquia sugeria vivamente que fossem deixados livres...

_________________
avatar
Portugal

Número de Mensagens : 3627
Capital : Lisboa/Madrid
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Sua Alteza Real D. Afonso VIII de Portugal, XIV das Espanhas
Data de inscrição : 18/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Britannia em Seg Ago 10, 2009 5:48 am

Epá, isto vai parecer ganancioso, mas para o que eu quero gostava mesmo de ter toda a ilha, se bem que se ficar com a inglaterra não me queixo, isso implica outro rumo no meu RP.
Acho que o Rolo pode ficar com tudo na Europa que ele queira, e vocês lhe queiram dar, só peço mesmo a ilha Britanica, agora é só esperar que o Rolo por aqui apareça.
avatar
Britannia

Número de Mensagens : 7778
Idade : 29
Capital : Camelot
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Interregno
Data de inscrição : 31/07/2008

Ver perfil do usuário http://www.nationstates.net/greenaldia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  URS em Seg Ago 10, 2009 11:12 am

Uma pergunta: acham bem abrir o precedente de dar territórios a alguém do nada? Especialmente territórios que estão do outro lado do mundo?

Se amanhã outro jogador pedir o mesmo também devemos aceitar?

O meu problema é o precedente, mas como já disse, se acharem todos bem...
avatar
URS
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 14751
Capital : Valtland
Regime Politico : Socialismo
Chefe de Estado : Maximus Thorvald
Data de inscrição : 14/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Portugal em Seg Ago 10, 2009 12:53 pm

Ora bem, o Peter pretende um "reset" se não me engano.
Contudo, de minha parte, não acho de nada complicado ceder a pequena parcela da grã-Bretanha.
Eu acho que andar a pedinchar territórios do nada, que não deve de ser concedido na maioria dos casos. Contudo, desde que o Peter chegou sempre pretendeu a Inglaterra, simplesmente não a teve porque há altura estava como uma província minha. O Rolo também pretendia terrenos lá. Acho uma medida equitativa ceder a Escócia e Gales ao Rolo, e a Inglaterra ao Peter. Vê as coisas por este prisma Nuno, eu abandonei para todos os efeitos a Escócia, só que invês de devolver a Escócia ao Peter "devolvo-lhe" a Inglaterra. Eu entendo o jogo do Peter e do Rolo.
O Peter pretende assumir o papel imperial e colonialista da Inglaterra, e o Rolo quer ser a "Nova Europa". Sinceramente, para lavar as minhas mãos, eu até apadrinho estes projectos, visto serem potenciais fontes geradoras de Roleplays. Depois são dois grandes validos do fórum, sendo o seu RP constante e produtivo, acho que seria uma pena "cortar-lhes" as pernas e "atar-lhes as mãos". E no caso do Rolo, ele tem estatísticas nacionais (população, capital...) que lhe facultam por uma lógica racionalista a deter mais umas parcelas da Europa.
Depois opah, infelizmente há o mal endémico da entrada de novos jogadores a "conta gotas", e o mapa está cheio de pontos brancos. Creio que neste caso não será nada custoso nem danoso de se facultar.

Pessoalmente, e falando de um modo "egoista", convinha-me tal projecto. Pela parte do Peter para restaurar a mais velha aliança do mundo, a Luso-Britânica. Pelo Rolo, para ter alguém que faça fronteira comigo pela França.

Agora falando do meu caso em tom de auto de expiação, eu creio que não há problemas em ceder-me as colónias de Portugal, na medida em que eu libertei todos os territórios ocupados pelo Império Romano que não se inseriam no contexto Luso-Espanhol.

É a minha opinião, espero que da minha parte te tenha esclarecido quanto ao meu ponto de vista.

_________________
avatar
Portugal

Número de Mensagens : 3627
Capital : Lisboa/Madrid
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Sua Alteza Real D. Afonso VIII de Portugal, XIV das Espanhas
Data de inscrição : 18/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Britannia em Seg Ago 10, 2009 2:47 pm

Há uma coisa que realmente o Nuno(Tuga) disse e que faz sentido, o Rolo enfia 700 milhões de habitantes na Escandinávia? era bem mais lógico enfia-los na Europa, e sinceramente acho que ninguem diz nada contra isso, agora só tenho de apelar ao lado humano do Rolo para ele me dar a Escócia e Gales, mas nem me importo de trocar a Papua por isso (até parece que estamos a trocar cromos, ou numa conferência da epoca colonialista a dividir o mundo), depois disso nasce uma nova Brittania (e sim Nuno(Tuga), a velha aliança vai mesmo ter de se aplicar, até porque é bastante fixe e vai criar bastante RP europeu em conjunto com o Rolo).

E agora o aspecto técnico, Nuno(comuna), em Portugal o sistema legal não é o de direito comum como nos USA, precedentes não contam para nada no nosso sistema legal, o que importa é a lei escrita e a situação do momento, por isso como administrador simplesmente faz uma regra em que uma pessoa que abandone ou mude de territórios decide o destino destes mesmos, ou outra lei.
Só para explicar, no direito comum a lei vai sendo escrita á medida que se vão julgando casos, esses criam os tais precedentes que se tornam em leis (por isso é que as leis nos USA têm muitas vezes o nome Roe vs Wade), em Portugal nós usamos um sistema diferente, as leis são feitas pelo nosso orgão legislativo, e os tribunais aplicam-nas em vez de as criar (como nos USA).
(Se me enganei em nada, é para dizer que não sou advogado, ok?)

Depois, isto é um jogo, o objectivo é mesmo o pessoal descontrair de um dia lixado, e divertir-se, não vale a pena andar SEMPRE com 50 páginas de OCC´s para cada 1 post de IC.
avatar
Britannia

Número de Mensagens : 7778
Idade : 29
Capital : Camelot
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Interregno
Data de inscrição : 31/07/2008

Ver perfil do usuário http://www.nationstates.net/greenaldia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Portugal em Seg Ago 10, 2009 5:36 pm

Opah acerca da população, já por isso eu pedi a Espanha e Portugal. Sempre posso alegar que são territórios densamente povoados.

_________________
avatar
Portugal

Número de Mensagens : 3627
Capital : Lisboa/Madrid
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Sua Alteza Real D. Afonso VIII de Portugal, XIV das Espanhas
Data de inscrição : 18/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Athaulphia em Ter Ago 11, 2009 1:16 am

Eu só creio que todas essas mudanças de territórios bem se poderiam fazer através de RP, em lugar de fazer intercâmbios de cromos "instantâneos" nos escritórios, que descolocam a geoestrategia e a continuidade do RP de todo mundo.
avatar
Athaulphia
OCDE

Número de Mensagens : 2086
Capital : Athaulphópolis
Regime Politico : República Democrática Parlamentarista
Chefe de Estado : Presidente Ignacio Noguerol
Data de inscrição : 28/08/2008

Ver perfil do usuário http://www.nationstates.net/athaulphia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  URS em Qua Ago 12, 2009 10:29 am

Sistema legal? Suspect

Eu só vou tomar uma decisão depois das férias, do pessoal regressar e se pronunciar.
avatar
URS
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 14751
Capital : Valtland
Regime Politico : Socialismo
Chefe de Estado : Maximus Thorvald
Data de inscrição : 14/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Scream_off em Sex Ago 14, 2009 4:33 pm

Façam o que intenderem, mas eu pelo menos, sou contra qualquer alteração de territórios sem rp que alterem a geopolitica. E isto tanto dá ao peter voltar a ficar com qualquer territorio na europa, como ao roma/portugal ficar com territórios que não seja a america romana e qualquer territorio que ja tivesse no atlantico.

Estas duas movimentações alteram significativamente a geo-politica de muitos países, e a troco de quê?lol...
avatar
Scream_off
OCDE

Número de Mensagens : 11459
Idade : 29
Capital : Águas Santas
Regime Politico : Republica Federal
Chefe de Estado : Presidente Zé
Data de inscrição : 25/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Portugal em Sab Ago 15, 2009 11:06 am

Mas também tens que ver as coisas Zé, eu estou a pedir no fundo é uma permuta de territórios... "Liberto" a Europa, a troco de outros territórios. O que podes ganhar... Muito bem, com a mais sincera franqueza, perdes um inimigo potencial, por duas razões:

1-Território fragmentado = defesa mais complicada
2-Regimes (Portugal - Monarquia "Integralista" e Espanha - Monarquia "Falangista") fechados sobre si mesmos = Basta não se meterem com a politica interna que também não se metem com ninguém.

E pode haver uma 3 razão: O Comunismo

Os falangistas detestam comunistas, logo tentam pressionar o rei a alinhar com o Pacto de Estocolmo, os Portugueses negociam imenso com o extremo oriente, e como democracia toleram os comunistas, pressionam o rei a não actuar contra a IS. No fundo este bloco cria a 3ª via, a dos não alinhados, que prezam por uma postura pacifica, neutral e não belicista da coisa.

Ganhais todos no que respeita a minha parte.

_________________
avatar
Portugal

Número de Mensagens : 3627
Capital : Lisboa/Madrid
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Sua Alteza Real D. Afonso VIII de Portugal, XIV das Espanhas
Data de inscrição : 18/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Scream_off em Sab Ago 15, 2009 12:38 pm

Tu estás a tentar dar terrenos e coisas para o pessoal aceitar, mas pondo de lado essa poeira que lanças, nada disso está em causa. Eu não quero perder ou ganhar inimigos com trocas de terrenos, eu quero isso, apenas a jogar... Bem, foi a minha opinião.
avatar
Scream_off
OCDE

Número de Mensagens : 11459
Idade : 29
Capital : Águas Santas
Regime Politico : Republica Federal
Chefe de Estado : Presidente Zé
Data de inscrição : 25/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Portugal em Sab Ago 15, 2009 3:39 pm

Eu não estou a tentar dar terrenos, eu tenho que os dar na medida em que são absolutamente supérfluos para o contexto em que pretendo jogar...

Agora vê as coisas por este prisma, que foi o que eu já disse:

-Presença romana em África, já existia.
-Presença Romana na Ásia, não existia, mas havia a América Romana directamente virada para o Pacifico.

Opah basta abrires o meu RP "Armada Fantasma", que Timor-Leste não passa de uma colónia desgarrada e decrepita onde até as tripulações dos navios se amotinam por falta de condições. Isto é alguma ameaça? A Peterandia se quisesse invadia Timor-Leste em apenas um dia. Chamas isto alterações na Geopolítica? Sinceramente não creio.

E mais digo, quem ocupar "o legado" Inglês lego-lhe automaticamente Gibraltar sem qualquer reticência.


Quanto ao caso do Peter, opah é uma questão de Roleplay? Muito bem, a Inglaterra* está ocupada por Portugal na sequência da guerra de "Cassandra Lewis". Faz-se uma reunião, uma mega conferência de Paz, Peterandia e Portugal apertam as mãos, e cede-se por via de RP a Inglaterra a Peterandia. Razões para a atitude de Portugal: Nenhum interesse no controlo da Inglaterra, e estava a dar imensos problemas com a "Resistência Inglesa".


*Neste caso, não é uma coisa do outro mundo trocar a Escócia pela Inglaterra, esta tudo na mesma ilha.

E se for preciso o mesmo paradigma aplica-se ao Rolo, e entrego-lhe Gales e a Escócia!

_________________
avatar
Portugal

Número de Mensagens : 3627
Capital : Lisboa/Madrid
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Sua Alteza Real D. Afonso VIII de Portugal, XIV das Espanhas
Data de inscrição : 18/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Centric em Qua Ago 19, 2009 11:59 am

Eu tinha pedido a Grã Bretanha porque o meu país é predominantemente anglo-saxónico, e o libertarianismo e a não-intervenção estatal é uma coisa muito mais anglo-saxónica do que outra coisa. Mas pronto, quando voltar dia 3 decidimos, não me importo de juntar 3 novas repúblicas libertárias - França, Países Baixos e Alemanha Ocidental, visto que o território abrange um bocado da Alemanha. Quando a Bretanha, falo isso com o Peter depois, mas ele que fique com a Inglaterra. Gales e Escócia discutimos em Setembro. Mas pronto, boas férias pá, isto no Algarve há pouca Internet. Vou voltar pas jolas e pas gaijas.
avatar
Centric

Número de Mensagens : 1066
Idade : 25
Capital : Lumiar
Regime Politico : Social-Nacionalismo
Data de inscrição : 14/09/2008

Ver perfil do usuário http://www.nationstates.net/14130/page=display_nation/nation=vib

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Pierrine em Qua Ago 19, 2009 1:27 pm

o roma deixa espaço e vão logo todos querer Laughing
avatar
Pierrine

Número de Mensagens : 1009
Idade : 23
Data de inscrição : 13/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Athaulphia em Qua Ago 19, 2009 1:40 pm

Bem, como isto vai seguir para adiante, preciso aclarar alguns aspectos sobre o novo Império Português para redefinir minha postura e meu RP:

1º. RELAÇÃO DO REGIME COM O FASCISMO: refiro-me ao fascismo "velha escola", tal e como o praticavam no difunto Império Romano. Que papel têm os fascistas "à romana" agora? Seguem mandando? Mandam, mas menos? Não mandam em absoluto ou estão proscritos? Cómo se dá o Rei e resto de dirigentes com eles?

2. RELIGIÃO: suponho que o império é claramente católico, mas até que ponto? Se toleram outras religiões? Que influência política tem a Igreja? É como no Império da Cruz de Cristo? Há "espírito de cruzada" como no regime de Franco, com uma absoluta identificação da Igreja, em sua versão mais integralista, com o regime?

3: CRISES PASSADAS: pedes que assumamos que foi Portugal quem esteve envolvida nas crises de Cassandra Lewis, as invasões de Escócia, a agressão à UCA (eu sigo tendo minhas objeções, mas pronto)... mas essas crises tiveram protagonistas claros: César e Ulpius. Quem "eram" César e Ulpius em Portugal? O rei atual assume os atos de César como se fosse a mesma pessoa ou assumimos que o que fez tudo isso foi seu antecessor? O mesmo com Ulpius: há agora um "Ulpius português" ou supomos que o antigo Ulpius já não está no poder? (esta questão é um sintoma da força que têm as personagens criadas pelo Nuno, um grande ponto a seu favor como jogador).

4: A COMPANHIA DAS ÍNDIAS: até agora funcionava como um estado dentro do estado, com seu exército privado e uma autonomia com respeito a seu governo realmente inquietante, que gerava tensões e confusões. Segue sendo assim ou a partir de agora estará bem "sujeita" pelo governo?

5: DIREITOS CIVIS E POLÍTICOS: suponho que embora o regime siga sendo muito conservador e autoritário, estará longe do regime policial de Roma, verdade? Quem é o "sucessor" da OVRA (se há algum)? Da escravatura e os jogos de circo, imagino que já não há nada disso, não é? Há algum vestígio ou se supõe que nunca existiram tais coisas?

6: RELAÇÕES EXTERIORES: com o que tens postado sobre o "orgulhosamente sós" acho que já não preciso fazer esta pergunta; ademais, essa era a atitude que tinha adotado o Império Romano na última época. Mas vai pesar mais agora o capitalismo do que o antiliberalismo? Quero dizer, se o regime português é um pouco menos autoritário do que o romano, poderia haver uma aproximação aos países democratas mas com os que compartilhe o capitalismo, verdade? Aponta-se a uma aproximação a Peterandia, estou no certo?

Bem, desculpa o interrogatório, mas acho que ante uma mudança como a de Roma a Portugal é necessário. É possível que tenha que propor mais perguntas mais adiante, ainda que à medida que avance o RP iremos conhecendo melhor ao novo "Império do Mal"... Twisted Evil
avatar
Athaulphia
OCDE

Número de Mensagens : 2086
Capital : Athaulphópolis
Regime Politico : República Democrática Parlamentarista
Chefe de Estado : Presidente Ignacio Noguerol
Data de inscrição : 28/08/2008

Ver perfil do usuário http://www.nationstates.net/athaulphia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Portugal em Qua Ago 19, 2009 5:54 pm

Fascistas: Não existem em Portugal, na Península Ibérica há o Falangismo e a sua versão portuguesa, o Nacional Sindicalismo. Em Espanha, a Falange está no poder, tem governo e controla tudo e todos. Portugal não intervém em Espanha politicamente no que conta a politica interna!
Os falangistas têm comportamentos idênticos ao dos "fascistas romanos". O papel de Roma no jogo não desapareceu! Está é extremamente saneado em virtude de apenas o Rei de Portugal ter o poder da politica externa das duas nações.

Religião: Portugal tem um "anglicanismo á Portuguesa", não é violento religiosamente, mas há discriminação social por portugueses que sigam outras religiões que não o "anglicanismo á portuguesa". Em Espanha, violentamente Católicos, espírito de Cruzada, em suma o regime de Franco tal e qual como era nos anos 40.

Crises Internacionais: Portugal esteve envolvido nessas crises em virtude do governo de D. João de Mascarenhas e Menezes, conhecido pelo seu ultra-conservadorismo e imperialismo. O que motivou imensas criticas da comunidade internacional à conduta de Portugal, mas que houve um apoio quase religioso a este governo por parte da Falange Espanhola. D. João perdeu as eleições, e foi eleito um governo moderado, liderado por Sebastião da Gama e Castro. Actualmente Portugal tem uma postura neutral e pacifica.
Ulpius, "é actualmente" D. João de Mascarenhas e Menezes, esta apenas como deputado nas Cortes. Mas tem imensa influência politica! E é arrogante, xenófobo, prepotente, chauvinista, fleumático, e um grande admirador de Franco e José Primo de Rivera (é nitidamente um Falangista, mas português). É membro dos "Camisas Azuis", não confundir com os "Camisas Azuis Centricos"! Os Camisas Azuis são a versão portuguesa da Falange Espanhola, embora mais desorganizados, e menos orientados politicamente. D. João de Mascarenhas e Menezes, goza de imensa influência junto do Rei, sendo um dos seus Conselheiros.

Companhia das Índias: Não tem prerrogativas de Estado! Nem possui territórios! Tem sim foro privado, e monopólios comerciais, com o Oriente, o Estado da "Índia", e actualmente em Moçambique. Não possui exército em virtude de não ter possessões territoriais, mas possui uma marinha de guerra, e muitos marinheiros treinados, assim como oficiais navais de guerra!

Direitos Civis e Politicos: Portugal é uma "Democracia musculada"! Espanha um regime de extrema direita, com a Falange á sua frente! Jogos de circo não há naturalmente, há é touradas até dizer chega! cyclops Massacres a civis, há de ambos os lados! Portugal, são extremamente encobertos, e não são muito comuns. São levados a cabo pela Guarda Real (espécie de Guarda Pretoriana misturada com Guardia Civil). Em Espanha, exactamente o mesmo que Franco fazia e fez na Guerra Civil. Os falangistas não têm escrúpulos em espancar e matar se for o caso.
Os massacres feitos polo regime português são dirigidos a guerrilheiros carlistas, terroristas da Cabonária, Republicanos, que tenham o azar de parar por território português.
Mas as execuções como actos públicos, revestidos de uma áurea de divertimento não há. Em Espanha há pena de morte, em Portugal não. Só pode haver Pena de Morte em Portugal se estiver decretado Lei Marcial, mas para isso acontecer, só mesmo em calamidades de guerra em território continental.

Relações Externas: Portugal sempre foi isolacionista, desde 1917! Salvo na 2ª Guerra Mundial (ainda em discussão entre os jogadores) em que Portugal entrou pelo lado dos Aliados, e travou Franco de se aliar ao ditador Centrico da União dos Povos Germânicos.
O caso de D. João de Mascarenhas e Menezes foi pontual, e cobre as contendas internacionais em torno do Império Romano.
O isolacionismo final do Império Romano, corresponde agora a perda das eleições por parte de D. João de Mascarenhas e Meneses.
Há uma dualidade no que respeita ás democracias e ao socialismo! Portugal pende nitidamente para a Internacional Socialista, apesar de não o declarar publicamente o "Pacto Anti-Capitalista" com a URS existe, e é secreto e conhecimento apenas de Jansen e de D. Guilherme I.
A Espanha Falangista, está num dilema terrível... Odeia socialistas mas odeia democratas liberais. Mas se for a optar entre os dois, prefere os democratas liberais, é natural que haja tendência para que o Concelho da Espanha (Concelho eleito pelas Cortes Espanholas, para ser intermediário nas relações do monarca português e de Espanha), faça pressão para que Portugal alinhe com o Pacto de Estocolmo. Mas mesmo assim só em casos em que se veja uma guerra á vista! Porque para todos os efeitos os projectos políticos da Falange, são a reconquista do Império Espanhol, e isso e gerador de contendas imensas entre D. Guilherme I e a Falange. D. Guilherme I detesta o Pacto de Estocolmo, assim como o governo português porque os considera os "devoradores de coroas e tronos", ou seja, devoradores de Impérios Coloniais. Pode ser mentira, mas é um preconceito extremamente popular em Portugal. Não têm uma postura agressiva, desde que não se envolvam em África, e nas pretensões colonialistas e imperialistas portuguesas.
Peterandia há aproximação se o Peter vier a "ocupar o papel" da Inglaterra, mais numa de reconciliação de velhos amigos. O resto depende integralmente do RP em torno disto! Pode é haver uma aproximação á URLC, visto que esta em matéria administrativa partilha de imensos princípios defendidos pelo "Saudosismo", a filosofia politica portuguesa do Regime. Mas o RP depois é que decidirá as posturas...




Portugal consegue a posição de Super-Potência em grande parte em virtude da Espanha. Portugal desagregado da Espanha, conseguiriam ambos o estatuto de Potência Média, idêntico á França ou a Inglaterra actualmente. Interpretem o caso Ibérico como os Estados Unidos da América, com uma diferença Portugal é a potência de destaque, mas ambos formam uma unidade politica e militar. No que respeita ao militar, os projectos são em conjunto, mas aí Espanha é que é a ponta de lança. Espanha possui industria automóvel, a SEAT e a Pégaso, e são estes também construtores de blindados. A CASA espanhola, produz aviões e cria modelos. Portugal limita-se de certa forma a produzir-los também. Partilham armas em comum, a espingarda de assalto CETME espanhola. Apesar do exército português ter uma espingarda semi-automática, que nada mais é do que uma versão da Garand M1, mas com um sistema de alimentação e carregamento diferente.
A STAR, empresa de armamento espanhola, é uma das grandes contratadas para produção de armamento. A Esperanza e Unceta espanhola "ressuscitou", e produz as pistolas para ambos os exércitos. Os canhões usados em todas as aplicações provêm na sua maioria dos Arsenais de Ferrol... Em suma Espanha possui um esperado papel de destaque no que conta ao armamento, na medida em que cria e também produz para ambos usarem.


Se tiveres mais alguma dúvida está a vontade Smile E sugestões também...

_________________
avatar
Portugal

Número de Mensagens : 3627
Capital : Lisboa/Madrid
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Sua Alteza Real D. Afonso VIII de Portugal, XIV das Espanhas
Data de inscrição : 18/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  URS em Qua Ago 19, 2009 6:27 pm

Scream_off escreveu:Façam o que intenderem, mas eu pelo menos, sou contra qualquer alteração de territórios sem rp que alterem a geopolitica. E isto tanto dá ao peter voltar a ficar com qualquer territorio na europa, como ao roma/portugal ficar com territórios que não seja a america romana e qualquer territorio que ja tivesse no atlantico.

Estas duas movimentações alteram significativamente a geo-politica de muitos países, e a troco de quê?lol...

Zé, eu não coloquei entraves à mudança de territórios do Nuno, porque na prática, com os novos territórios, ele mantém apenas a sua força no Atlântico, onde já a tinha. A ameaça para outros países mantém-se igual.

Já o Peter ganha território onde não tinha qualquer influência, mas como o principal afectado é o Nuno e ele não se importa...

Eu continuo contra, mas parece que essa não é a opinião geral. Vamos esperar por Setembro e pelo pessoal todo.
avatar
URS
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 14751
Capital : Valtland
Regime Politico : Socialismo
Chefe de Estado : Maximus Thorvald
Data de inscrição : 14/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Portugal em Qua Ago 19, 2009 6:31 pm

Do caso do Peter e do Rolo já dei minha opinião. Agradeço a prontidão com que o meu caso foi resolvido, mas quanto a tutela da Grã-Bretanha e da Europa, isso já é matéria do Administrador.

_________________
avatar
Portugal

Número de Mensagens : 3627
Capital : Lisboa/Madrid
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Sua Alteza Real D. Afonso VIII de Portugal, XIV das Espanhas
Data de inscrição : 18/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Trondheim em Qua Ago 19, 2009 6:59 pm

Portugal escreveu:
Há outro acrescento que queria fazer, que é a fortaleza de São João de Ajudá, na costa do Gana. Este território ainda mais ridiculo é, não passa de uma fortaleza simplesmente, e creio que é nas terras do Trondheim.

Se mantivermos a nossa história basta pedires esse território.
avatar
Trondheim

Número de Mensagens : 609
Capital : Georgeville
Regime Politico : Democracia Liberal
Chefe de Estado : Walter Spinoza
Data de inscrição : 02/07/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Portugal em Qua Ago 19, 2009 7:01 pm

Naturalmente. Quando quiseres podemos entrar em negociações Smile E pode-se até fazer uma História em comum Smile

_________________
avatar
Portugal

Número de Mensagens : 3627
Capital : Lisboa/Madrid
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Sua Alteza Real D. Afonso VIII de Portugal, XIV das Espanhas
Data de inscrição : 18/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Triestin em Seg Ago 24, 2009 5:33 pm

uma guerra nuclear é k tinha sido à maneira

se os países k estão na zona do peter não se importam k ele fique com a inglaterra não vou ser eu a levantar problemas
avatar
Triestin
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 981
Capital : Moscovo
Regime Politico : Marxismo-Leninismo
Chefe de Estado : Viacheslav Borisov
Data de inscrição : 20/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Portugal em Seg Ago 24, 2009 9:32 pm

Questão Importante

Peço desculpa insistir, mas queria ouvir opiniões acerca da Namíbia e Escócia, dois territórios conquistados em Roleplay por Roma. Devem permanecer em minha alçada como continuidade do jogo? Ou "esquece-se" o RP em torno deles?

Atenção, digo isto em virtude de muita gente se ter queixado da "falta de continuidade" do RP relactivo a Roma!

_________________
avatar
Portugal

Número de Mensagens : 3627
Capital : Lisboa/Madrid
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Sua Alteza Real D. Afonso VIII de Portugal, XIV das Espanhas
Data de inscrição : 18/01/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Peso da Idade

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum