Comunidade NationStates Portugal
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Operação Vibra Vermelha

+3
URS
vibra
Triestin
7 participantes

Página 3 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  Triestin Ter Out 28, 2008 3:38 pm

O KGB está no auge da sua actividade na Coreia. Com alto secretismo, vários governadores comunistas são contactados e aceitam apoiar uma ocupação triestina a troco de manterem os seus cargos. As forças militares e policiais que controlam, bem como as máquinas de propaganda serão sem dúvida um valioso instrumento para a pacificação da Coreia num cenário pós-invasão.

O importante empresário Park Il Woo, um chefe do submundo coreano é também abordado. Poderá manter o seu império do crime organizado se usar os seus recursos para apoiar Triestin.

O KGB contempla ainda a possibilidade de criar provincias onde a religião será aceite e os lideres religiosos terão controlo politico sobre elas, mas esta tarefa não se tem revelado fácil.

A campanha para fazer aliados dentro do território está em marcha e a dar resultados. Correm rumores dentro do Comité Camarada Kim que Stalin aguarda apenas a luz verde de Kim Yong-il para anexar pela força a peninsula.

Alguns misseis balisticos estão apontados às principais cidades nipónicas. Isto servirá para garantir que a resistência vibrense será fraca, pois não quererão ver o resto do seu território atacado.
Triestin
Triestin
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 981
Capital : Moscovo
Regime Politico : Marxismo-Leninismo
Chefe de Estado : Viacheslav Borisov
Data de inscrição : 20/08/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  Britannia Sex Out 31, 2008 7:03 pm

Em vibra a situação é caótica, as forças aerotransportadas tentam a todo o custo assegurar a segurança do aeroporto, vibreenses furiosos atiram cocktails molotov contra o aeroporto, mas por outro lado civis desesperados pela miséria e caos tentam entrar nos aviões para a Peterandia, na Embaixada provisória estabelecida no aeroporto alguns diplomatas não conseguem simplesmente dizer não a certas mães com filhos, e concedem passes e vistos de entrada no pais, mulheres desesperadas tentam dar os filhos a soldados Peterandeses para eles levarem para segurança, para muitos destes homens recusar a entrada nos aviões a tanta gente é a missão mais difícil da sua vida, os cidadãos Peterandeses entram nos aviões o mais rápido que podem, muitos deles com as suas famílias de origem vibreense, a ponte aérea está a 100%, o governo debate se deverá deixar mais vibreenses conseguirem passes de entrada.

O pedido de entrada de cidadãos vibreenses chega ao governo, os burocratas governamentais começam imediatamente a trabalhar pela noite dentro, antes do sol aparecer já a presidente tem várias opções e análises estatísticas na secretária, agora só falta decidir....
Britannia
Britannia

Número de Mensagens : 7778
Idade : 33
Capital : Camelot
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Interregno
Data de inscrição : 31/07/2008

http://www.nationstates.net/greenaldia

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  vibra Sex Out 31, 2008 7:40 pm

AEROPORTO INTERNACIONAL DE TOKYO

A situação estava problemática. O Arquipresidente tinha declarado a Lei Marcial à poucas horas e os militares andavam como loucos...

Ao verem coktails molotovs serem lançados contra o aeroporto a Guarda Nacional não hesita e abre fogo contra os manifestantes. Dezenas caiem ao chão enquanto milhares saem em debandada. 3 tanques estacionam à entrada do aeroporto e os céus de Tokyo são patrulhados pela força aérea.
A repressão cá fora é violenta, mesmo em frente aos autocarros que chegam com cidadãos peterandas horrorizados pelas cenas de extrema violência que assistem do vidro do autocarro.

Cerca de 2.500 guardas patrulham a região do aeroporto, enquanto outros 500 apoiados por jipes e carros-tanque escoltam a coluna de veículos com cidadãos peterandas.
vibra
vibra

Número de Mensagens : 3990
Idade : 38
Regime Politico : Anarcocapitalista
Data de inscrição : 30/07/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  Britannia Sab Nov 01, 2008 8:35 am

Aeroporto Internacional de Sidley

Os primeiros cidadãos Vibreenses começam a chegar ao Aeroporto de Sidley, é uma mudança de ares agradável para variar, o Aeroporto encontra-se numa calma completa, as pessoas embarcam e desembarcam normalmente, contudo a zona onde os Vibreenses saem está mais calma pois é o terminal de voos para vibra, tendo esses voos sido cancelados.

Rapidamente os Vibreenses encontram-se num átrio grande cheio de mesas, no tecto está um cartaz onde estão escritas as palavras, SERVIÇOS DE IMIGRAÇÃO, enquanto vão entrando uma voz feminina ecoa dos altifalantes: -Bing, Bing, sejam bem vindo á Commonwealth da Peterandia, nesta secção do aeroporto iremos agora proceder aos registos de entrada e de residência, pedimos a vossa calma e que sigam as instruções dos assistentes sociais e funcionários do SEFI, por favor prestem atenção ás seguintes instruções para facilitar o funcionamento e a rapidez.......a primeira secção destina-se a indivíduos que viajam sozinhos, por favor denotem que grupos de amigos sem ligações familiares não contam como grupo..........a segunda secção destina-se a famílias ou indivíduos com ligações familiares que não possuem crianças a viajar consigo..........a terceira secção destina-se a famílias ou indivíduos que viajam com crianças, lembramos que todas as crianças deverão ser imediatamente inscritas no serviço nacional de saúde e de educação...........crianças ou adolescentes que viagem sem pais ou se tenham perdido destes por favor dirijam-se também á terceira secção..........passada esta secção lembramos que poderão visitar os escritórios do serviço de segurança social quanto a apoios estaduais, lembramos a estudantes universitários que poderão aqui tratar imediatamente das suas equivalências, nestes escritórios também poderá ser feita a candidatura á cidadania nacional............caso não estejam interessados em nenhum destes serviços, por esta altura estarão livres de entrar em território nacional, a Commonwealth deseja aos novos residentes uma boa estadia
Britannia
Britannia

Número de Mensagens : 7778
Idade : 33
Capital : Camelot
Regime Politico : Monarquia Constitucional
Chefe de Estado : Interregno
Data de inscrição : 31/07/2008

http://www.nationstates.net/greenaldia

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  vibra Dom Nov 02, 2008 7:42 am

PETERANDIA - COMUNIDADE VIBRIENSE IMIGRADA

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Naritadeparture2

Os vibrienses recem chegados a Peterandia estão surpreendidos pela calorosa e organizada recepção das autoridades. Entre o grupo de cidadãos imigrados estão iminentes médicos, professores universitários e engenheiros. Uma outra parte, a mais significativa, são excelentes técnicos, profissionais altamente especializados. O embaixador vibriense em Peterandia, Hugo Guterres, e o restante pessoal da embaixada ajudam os vibrienses neste momento difíceis.

O embaixador vibriense conseguiu um acordo com um pequeno banco local para que este concedesse empréstimos com a garantia do edíficio da embaixada e do governo vibriense a projectos de cidadãos vibrienses e para o começo de vida destes novos imigrantes neste momento. Os vibrienses não estão habituados a welfare e aprenderam a organizar sozinhos a sua vida. Reconstroiem assim, a sua vida, num país distante.


Peterandas também chegavam ao Aeroporto. O embaixador em nome da República de Vibra foi desculpar-se da situação presentemente vivida em Vibra a todos estes cidadãos.

Operação Vibra Vermelha - Página 3 II_to_AMB

Hugo Guterres entrega um presente ao representante da Commonwealth de Peterandia que se encontra a gerir esta situação no aeroporto.

ROMA - COMUNIDADE VIBRIENSE CHEGA ÀS AMERICAS

Operação Vibra Vermelha - Página 3 610x

Uma situação diferente é aquela que é vivida nas Américas romanas. Os cidadãos vibrienses chegam e deparam-se com militares a patrulhar a cidade e não têm ninguém para os receber naquela região. Essencialmente, a comunidade vibriense ali é constituída por mineiros, agriculturas e trabalhadores da construção civil que não conseguiram vistos para outros países.

Para eles, a vida espera-se particularmente difícil, nem o embaixador conseguiu ainda ali chegar para acompanhar aquelas pessoas.


.
vibra
vibra

Número de Mensagens : 3990
Idade : 38
Regime Politico : Anarcocapitalista
Data de inscrição : 30/07/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  vibra Seg Nov 03, 2008 3:08 pm

A SUA LUTA - OPERAÇÃO MIMOSA

A situação em Vibra estava descontrolada. Estes eram tempos que os oportunistas agarravam para facilmente conquistarem o poder. O poder como eles o entendiam. O poder enquanto força de controlo do outro.

Não tenhamos ilusões, o poder é subjugação.

Kim Jion-il é deste tipo de homens. Sem moral, sem princípios. Amante da ciência e da racionalidade. Nada existe para além da vida e ele vai agarrar as oportunidades para fazer inscrever o seu nome na história.

Numa reunião secreta em PyongYang, ele dirige-se aos governadores da Koreia, comunistas e não comunistas.

Kim jong-il escreveu:
Operação Vibra Vermelha - Página 3 Kim-jong-il_june2000-summit_p1_05
Camaradas,

Tempos duros se avizinham. O nosso povo sofre imenso e pena por dinheiros do Estado Central que suga as nossas energias até ao nossos limites.

Olhem a URS e Triesten. Dois poderosos países socialistas, que não sofrem economicamente por estarem fechados ao mundo.

Todos vivem bem e prosperam e o seu nível de desenvolvimento é elevado, quando comparado com outras nações, a URS e Triesten, apresentam níveis de bem-estar soberbos... Como podem ver por esses gráficos e sondagens...

Camaradas, não aproveitar estes tempo para autoderminar o nosso povo seria um erro histórico muito grave... Sem precedentes, devo dizê-lo.

Os Vibras nunca respeitaram os koreanos. Oprimiram o nosso povo durante séculos, impuseram as suas religiões, os seus credos, os seus modelos liberais, impuseram a sua vontade.

Em abono da verdade, a República nada trouxe de positivo à península e ao nosso povo. Pensávamos que com o derrubar do Império a nossa situação iria melhor. Esperanças vãs pois!

Este é o tempo, esta é a hora, de sermos livres, de termos um modelo próprio de desenvolvimento, de prosperar e de caminhar sozinhos no mundo.


[A sala enche-se de palmas dos governadores]


Obrigado camaradas pelas vossas calorosas palmas. Mas elas não chegam, temos que fazer mais. Sozinho eu não posso nada, mas unidos..., Unidos poderemos tudo.

Vamos construir o sonho Comunista! Vamos desenvolver a Koreia! Vamos nos libertar do jugo vibriense.

Abaixo Vibra!!!!


[Abaixo Vibra!!!!]


Abaixo a República!!!!


[Abaixo a República!!!!]


Abaixo o liberalismo, a religião e o dinheiro!!!!


[Abaixo!!!! Heia!!! - gritam os governadores, batendo muitas palmas]


Para melhor compreender, os koreanos são um povo mais emunitvo, mais emocional, ao contrário, o povo nipónico é mais sério, sizudo, contido na expressão das suas emoções.

Kim Jong-il escreveu:
Operação Vibra Vermelha - Página 3 KimJongIl_2
Vamos assinar, aqui e hoje, uma declaração de independência. Organizar a nossa defesa e pedir apoios internacionais.

Tenho a certeza, de que poderemos contar com a ajuda dos camaradas tristanos e ursianos.

Com eles, facilmente iremos construir o sonho comunista!


Todo o auditório estava em êxtase. Bem, todo não. Havia uma parte de governadores que não estava a gostar do rumo da história, mas que precisou de manter as aparências para sair dela vivo, entretanto, sms's eram enviados para as pessoas certas denunciando aquela reunião.

Kim Jion-il é nomeado o Líder Mimoso da Longa Marcha da Comunidade Livre Koreana, e uma declaração de independência é assinada.

Amanhã, o mundo ficaria em choque.
vibra
vibra

Número de Mensagens : 3990
Idade : 38
Regime Politico : Anarcocapitalista
Data de inscrição : 30/07/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  URS Ter Nov 04, 2008 3:59 pm

A URS aguardava por uma acção oficial de Triestin para definir o que fazer em relação a Vibra e à Coreia. A prioridade neste momento era a Europa e ninguém queria deprediçar recursos na Coreia. Se a URS se envolvesse seria através de bombardeamentos à distância, e não com homens no terreno.
URS
URS
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 14751
Capital : Valtland
Regime Politico : Socialismo
Chefe de Estado : Maximus Thorvald
Data de inscrição : 14/08/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  Triestin Ter Nov 04, 2008 4:26 pm

Depois de conversações com Kim Jion-il, Stalin decide enviar o Exército Vermelho para a Koreia. Alguma escaramuças com resistentes anti-comunistas resultam em vários confrontos e mortos em várias cidades, mas o Exército Vermelho trabalha em colaboração com os governadores koreanos.

O Comité Camarada Kim recomenda a Stalin uma invasão total, mas este decide esperar pela reacção do governo vibra.

Neste momento está em plano um autêntica caça às bruxas. A televisão pública já controlada por comunistas koreanos e membros do KGB informam que qualquer actividade anti-estado resultará em prisão imediata e que a resistência terá como resposta acções armadas.

Vários navios de guerra cerca a Península e os mísseis balísticos de médio alcance estão apontados a Tóquio e às outras grandes cidades nipónicas.
Triestin
Triestin
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 981
Capital : Moscovo
Regime Politico : Marxismo-Leninismo
Chefe de Estado : Viacheslav Borisov
Data de inscrição : 20/08/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  Triestin Dom Nov 09, 2008 5:22 pm

O Exército Vermelho começa a expulsar todos os jornalistas estrangeiros. Apenas koreanos e triestinos apoiantes do comunismo têm autorização para ficar, e mesmo assim as notícias são verificadas pelo KGB.

Enquanto a norte a situação parece calma, no sul da península a resistência ainda é significativa, e os soldados têm autorização para usar toda a força necessária. Vários edifícios militares e de governadores anti-comunistas são bombardeados com extrema violência.

Na praça em Seoul, são fuzilados 3 políticos vibras acusados de informar rebeldes vibras sobre as acções do governo koreano. O objectivo é colocar o medo nos corações da população até a situação acalmar.

A norte, são distribuidos alimentos às vitimas da guerra e o Exército Vermelho auxilia as populações na reconstrução de algusn edificios, nomeadamente hospitalares.
Triestin
Triestin
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 981
Capital : Moscovo
Regime Politico : Marxismo-Leninismo
Chefe de Estado : Viacheslav Borisov
Data de inscrição : 20/08/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  vibra Sab Nov 29, 2008 2:46 pm


PALÁCIO VERMELHO - O CAOS


O despero era grande nos corredores políticos de Tokyo. As movimentações rápidas dos tristanos e o golpe contra o estado por parte dos comunistas koreanos deixam o presidente assustado.


Alberto Costa, encontra-se com os comandantes, secretários e a presidente do Parlamento na sua residência oficial. Estão em frente a um mapa regional da Ásia.

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Asiamapplain1mz1

Os comandantes militares discutem entre si:
- Temos que invadir Triesten pelo Sul e declarar Guerra
- Não sejas parvo!! Eles são mais do que as mães. Sugiro que ataquemos pela via aérea os oleodutos, centrais nucleares.
- Hmm, interessante.
- Com o caos a semear-se, e com o exército tristiano perdido na península koreana, começamos a bombardear bases militares, barragens, pontes e linhas férreas.



O Arquipresidente apresenta um ar muito sério e o obscuro líder dos Serviços de Informação toma a palavra:
- O Exército triestano tem uma força monstruosa. Qualquer ataque será sempre uma pequena moça. - começa a distribuir relatórios com o perfil de Stalin, da ecónomia e do exército de Triesten - Sempre que tomamos desições estas têm que ser informadas. Este não é o tempo para discutir. Alberto Costa, veja, é nos impossível com base na nossa geografia destruir um país desta dimensão unido por um regime militar obseceno!
- Sim, tens razão. O que sugeres Kim Man-bok?


Operação Vibra Vermelha - Página 3 Images1402317_b
Kim Man-bok era o Director dos Serviços de Informação da República - SIR. Esta agência está sob alçada do Parlamento e da Presidente do Parlamento a Sra. Yuriko Koike. Kim Man-bok é um humanista e koreano de nascença e étnia.


- Precisamos do apoio da comunidade internacional! Entretanto, o plano passa por isolar Triesten, e pressioná-lo a cometer erros do ponto de vista moral. A cada erro que ele comete, mais isolado fica.


Kim Man-bok começa a riscar o mapa, a fazer uns esboços.

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Asiamapplain3au3

-Colocamos as nossas forças nas ilhas e armamos a população. Isto pode ser um pau de dois bicos, mas neste momento não temos hipótese. Temos que espalhar armas pela população civil e temer o pior. Mantemos um batalhão em cada uma das províncias e o Arquipresidente nomeia um Comissário Civil para o representar e liderar as forças militares em cada Zona. As Forças navais mantém-se a patrulhar estas Zonas e bloqueamos qualquer acesso a tristen. Nada entra, nem sai. Temos que evitar dar o primeiro tiro. A Força aéra deixa-se estar sossegada. São o nosso último recurso. Neste momento, o papel chave está no exército e na preparação de milícias civis para um cenário de guerrilha em caso de invasão por triesten.


- Então e a koreia? - Pergunta o arquipresidente

- Prendemos Kim pelos crimes cometidos e disparamos para nos defender.

- Mas já existem militares tristianos a entra na Koreia.

- Estão em território vibriense! Vamos conter o avanço deles.

Yuriko Koike tinha estado muito calada até àquela momento.
- Esta ideia apresentada para ser um bom plano. Mas não é suficiente! Temos que destruir economicamente o suporte de Tristen. Pedir à URS que não apoie militarmente Tristen e se mantenha afastada do conflito. Estabilizamos a ecónomia e pedimos apoio financeiro e militar a Peterandia os nossos melhores vizinhos, a Roma que são os nossos amigos, e a Scream Off que são uma potência militar e económica consideravel. Scream Off e Peterandia irão apoiar-nos pois têm muitos interesses.


As ideias estavam alinhavadas e o plano preparado para avançar.

O Arquipresidente preparou melhor a estratégia e chamou a Televisão para discursar à nação. Entretanto, secretários e Directores de agências já estão a trabalhar no terreno e a ultimar as Leis para o arquipresidente as assinar.
vibra
vibra

Número de Mensagens : 3990
Idade : 38
Regime Politico : Anarcocapitalista
Data de inscrição : 30/07/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  vibra Sab Nov 29, 2008 3:30 pm

FORÇAS ARMADAS - KANGWON-DO EM PARTICULAR

Os militares estacionados na península koreana recebem instruções para aguardar por ordens.

Alguns militares tentaram corromper outros para apoiar o governador KIM, mas foram denunciados pelos colegas e encontram-se presos.

No geral, o exército está coeso, é obediente e segue as regras. Não existe registo histórico de golpe de estado na República de Vibra e o exército vibriense gaba-se por ser dos mais disciplinados exércitos do mundo.

Já existiram algumas escaramuças com a polícia e o exército triesten que começa a estacionar tropas nas províncias do norte.

Os militares já estão em contacto com os Comissário Civil Shinzo Abe e já receberam vários pedidos de ajuda de governadores koreanos com medo das represálias dos militares Tristen.

As ordens são claras, armar a população. De Nipão estavam a ser enviadas por avião armamento e munições. A Guarda Nacional participava neste esforço de guerra distribuindo armas, em conjunto com manuais de instrução para situações de tufões e outras catástrofes naturais.

O Departamento de Informação das Forças Armadas Vibrienses preparavam manuais de guerrilha para distribuir pela população.

o comissário Shinzo sabe que a polícia metropolitana que tentou prender o Kim à saída da Televisão, foi assassinada pelos militares tristianos que neste momento já protegem o líder mimoso.


Última edição por vibra em Sab Nov 29, 2008 4:28 pm, editado 1 vez(es)
vibra
vibra

Número de Mensagens : 3990
Idade : 38
Regime Politico : Anarcocapitalista
Data de inscrição : 30/07/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  URS Sab Nov 29, 2008 4:19 pm

Ainda sem decisões exactas por parte do Conselho, a Marinha da União começa a preparar uma eventual operação. São delineados planos de ataque, mas não se prevê qualquer invasão, apenas destruição da Marinha vibrense e bombardeamentos ao seu território. Mas para já, sem definição política da situação, tratam-se apenas de manobras de preparação. Nenhum navio se faz sequer ao mar.
URS
URS
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 14751
Capital : Valtland
Regime Politico : Socialismo
Chefe de Estado : Maximus Thorvald
Data de inscrição : 14/08/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  vibra Sab Nov 29, 2008 4:43 pm

ENCONTRO SECRETO ENTRE URS-VIBRA

Em Jeju, na ilha ao largo da península koreana, o agente ursiano Ljungberg, encontra-se com o Comissário Civil Shinzo Abe.

Ljungberg chega num enorme jipe. Entram os dois numa tenda militar:
Operação Vibra Vermelha - Página 3 Abe_shinzo
- Obrigado por vir conversar connosco. Eu sei que este encontro não tem carácter polílitico, mas eu neste momento estou à frente de todas as operações na koreia. Por favor entre.
vibra
vibra

Número de Mensagens : 3990
Idade : 38
Regime Politico : Anarcocapitalista
Data de inscrição : 30/07/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  URS Sab Nov 29, 2008 4:52 pm

Ljungberg tinha experiência de governo, tanto na antiga República Popular de White Stars, como no 1º Governo da República Socialista de Hacken. Tinha sido enviado para evitar que a Koreia se alastrasse ao resto de Vibra, e nada mais.

- Muito obrigado, senhor Abe. Os SSU enviaram-me aqui para ver se conseguimos uma espécie de minimização de estragos. A União não quer uma guerra, mas Triestin é um aliado, e será dificil voltar-lhes as costas. Como está ciente, a situação de Vibra é delicada neste momento. Com certeza não tencionam responder militarmente contra Triestin...
URS
URS
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 14751
Capital : Valtland
Regime Politico : Socialismo
Chefe de Estado : Maximus Thorvald
Data de inscrição : 14/08/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  vibra Sab Nov 29, 2008 4:58 pm

- Claro que não! Como podemos responder contra um colosso como Triesten? Não somos loucos. Mas acha que a tomada de posição de Triesten está em concordância com a cultura stariana? Certamente que não, até pelos vossos esforços de conter o terrorismo na URS. Mas diga-me, que podemos nós fazer?! Desistir e ir para casa como se nada se tivesse passado e quando sabemos que milhões de vibrienses na koreia não desejam um governo comunista? Também compreendemos os compromissos políticos da URS com Tristen. Aquilo que desejamos é tão simples como, não se envolvam, e não apoiem a intervenção de Triesten. Estou convencido de que com os esforços de outras nações Tristen se verá forçado a entrar em negociações com Vibra e alcançaremos a Paz na península.
vibra
vibra

Número de Mensagens : 3990
Idade : 38
Regime Politico : Anarcocapitalista
Data de inscrição : 30/07/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  URS Sab Nov 29, 2008 5:03 pm

- A questão é bem mais complexa. A União obviamente aconselhou Stalin a não enveredar por este caminho, mas não os podemos obrigar a fazer o que queremos. Mas ao mesmo tempo, não deixaremos que a comunidade internacional pressione um aliado directo sem fazermos nada. Ainda não sabemos que posição vão adoptar os outros países, ainda não sabemos que objectivos concretos tem Stalin, existem muitas hipóteses e conjecturas no ar, e neste momento temos que nos limitar ao presente. Triestin controla parte da Koreia e depende deles avançar para o resto. Vossa excelência sabe que não pode fazer nada, por isso o meu conselho é que neste momento nos concentremos em estratégias que evitem que o resto do território vibrense seja afectado. Isso sim, seria um desastre total...
URS
URS
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 14751
Capital : Valtland
Regime Politico : Socialismo
Chefe de Estado : Maximus Thorvald
Data de inscrição : 14/08/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  vibra Sab Nov 29, 2008 5:04 pm

- Sou todo ouvidos.
vibra
vibra

Número de Mensagens : 3990
Idade : 38
Regime Politico : Anarcocapitalista
Data de inscrição : 30/07/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  URS Sab Nov 29, 2008 5:11 pm

- Retirem da Koreia e não enveredem por confrontos com o Exército Vermelho. Assumam que a Koreia está perdida, e de certeza que persuadiremos Stalin a travar as suas intenções expancionistas. Não envolvam potências estrangeiras no assunto, nomeadamente a OCDE. Depois, com o tempo e com diplomacia, a União garante que fará todos os esforços para uma retirada pacífica de Triestin e para promover o regresso da Koreia à República de Vibra. Pode parecer quase uma sugestão vazia, mas dadas as ciscunstâncias, consegue ver outra alternativa que não origine uma guerra regional, e quem sabe mundial?
URS
URS
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 14751
Capital : Valtland
Regime Politico : Socialismo
Chefe de Estado : Maximus Thorvald
Data de inscrição : 14/08/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  vibra Sab Nov 29, 2008 5:19 pm

- No dia em que o Arquipresidente anunciasse isso ao país, a guerra civil instalar-se-ia, líderes nacionalistas iriam tomar o poder, e aí sim, o conflito seria explosivo. Isso não é uma solução. Não vamos retirar de um território onde as suas populações sempre participaram na vida democrática de Vibra, sempre foram livres e não reprimidas. Não podemos abandonar os governadores que nos pedem a nós a nossa ajuda. Sabemos que o exército Triesten tem práticas bastante repressivas e já houve políticos vibrienses assassinados em seoul e outras dezenas de execuções públicas! A polícia assassinada, a população em pânico!
vibra
vibra

Número de Mensagens : 3990
Idade : 38
Regime Politico : Anarcocapitalista
Data de inscrição : 30/07/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  URS Sab Nov 29, 2008 5:21 pm

- Vê outra solução como possível?
URS
URS
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 14751
Capital : Valtland
Regime Politico : Socialismo
Chefe de Estado : Maximus Thorvald
Data de inscrição : 14/08/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  vibra Sab Nov 29, 2008 5:26 pm

- Vejo! Vejo, que se Triesten for isolado politicamente, não terá outra solução que sentar-se à mesa de negociações e juntos encontrarmos uma solução aceitável para os dois lado. Como por exemplo um referendo à vontade dos vibras. Um referendo com observadores internacionais!
vibra
vibra

Número de Mensagens : 3990
Idade : 38
Regime Politico : Anarcocapitalista
Data de inscrição : 30/07/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  URS Sab Nov 29, 2008 5:31 pm

- A União não deixará Triestin isolado. Além disso quem pressionaria Triestin? Roma? A FUS? Acredita que algum deles entrará numa guerra mundial por causa da Koreia? Essa ideia é utópica, senhor Abe... Volto a pedir-lhe que se concentre no presente. Acredito que dentro de horas o Exército triestino atacará as forças de vibra na Koreia do Sul, vai ser um massacre, senhor Abe... Vamos pelo menos evitar isso.
URS
URS
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 14751
Capital : Valtland
Regime Politico : Socialismo
Chefe de Estado : Maximus Thorvald
Data de inscrição : 14/08/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  vibra Sab Nov 29, 2008 5:36 pm

- Obrigado pelo seu tempo Sr. Ljungberg
vibra
vibra

Número de Mensagens : 3990
Idade : 38
Regime Politico : Anarcocapitalista
Data de inscrição : 30/07/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  URS Sab Nov 29, 2008 5:39 pm

Ljungberg despede-se com um sorriso condescendente e regressa à União. Entretanto faz uma chamada:

- Estou? Sim, eles querem armar-se em campeões, podem prosseguir com o plano original...
URS
URS
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 14751
Capital : Valtland
Regime Politico : Socialismo
Chefe de Estado : Maximus Thorvald
Data de inscrição : 14/08/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  Triestin Seg Dez 01, 2008 5:59 pm

A meio da noite, a Força Aérea Triestina inicia uma operação de bombardeamentos ao exército vibra presente no Sul da Península usando bombardeiros apoiados por pequenos caças de combate.

Operação Vibra Vermelha - Página 3 800px-Usaf.Boeing_B-52

Ao mesmo tempo a Marinha ataca os navios vibras que se encontravam em território maritimo da peninsula. Os ataques são feitos à distância, por submarinos.

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Typhoon3

Depois de cerca de 4 horas de intensos bombardeamentos, onde se esperam perdas pesadas do lado vibra, é enviada uma mensagem ao governo de Vibra:

Dentro de 24 horas, o Exército Vermelho procederá à unificação da peninsula da Koreia sob o regime de Kim Jung-Il, é este o tempo que o exército vibra tem para retirar da peninsula. Após estas 24 horas, será criado um cordão naval à volta da peninsula e todos os navios vibras serão alvo de ataque. Todas as tropas vibras que permanecerem no terreno serão tratados como inimigos do povo koreano. A não cedência a esta pretensão terá também como retaliação o bombardeamento de outras cidades vibra nas diferentes ilhas.

Entretanto na fronteira entre a zona controlada por Triestin e pelo governo de Vibra, aglomeram-se milhares de soldados e tanques, prontos a entrar pelo território dentro. A Força Aérea e a marinha estão a postos para uma guerra total com Vibra.
Triestin
Triestin
Internacional Socialista

Número de Mensagens : 981
Capital : Moscovo
Regime Politico : Marxismo-Leninismo
Chefe de Estado : Viacheslav Borisov
Data de inscrição : 20/08/2008

Ir para o topo Ir para baixo

Operação Vibra Vermelha - Página 3 Empty Re: Operação Vibra Vermelha

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Ir para o topo Ir para baixo

Página 3 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ir para o topo

- Tópicos similares

 
Permissões neste fórum
Você não pode responder aos tópicos